O Windows Defender está bom o bastante em 2020? (você não vai gostar da resposta)

Muitos anos atrás, o Windows Defender era bastante ruim — ele sequer era suficientemente seguro para manter todos os PCs protegidos contra vírus e malware.

Mas, recentemente, o Windows transformou o Defender em um antivírus gratuito bem razoável. Por exemplo, a Microsoft atualizou o Defender para incluir sandboxing e detecção de malware baseado na nuvem — melhorando a proteção em geral e agilizando a detecção de ameaças.

Ainda assim, nossos leitores continuam nos fazendo estas três perguntas:

  1. O Windows Defender é rápido o bastante para remover ameaças sem deixar o PC mais lento?
  2. Ele pode lidar com ameaças seriamente maliciosas, como ransomware e spyware?
  3. Ele é bom o bastante para ser usado como único antivírus, ou há coisa melhor?

O Windows Defender falhou em bloquear muitos casos de malware durante os testes. E a Microsoft não lança atualizações periódicas suficientes ao software do Defender. E digamos que você pegue um vírus: a Microsoft não o ajudará — ela apenas informará que você deveria ter outro antivírus instalado! Em geral, embora o Windows Defender seja um bom antivírus básico, eu não confiaria nele atualmente para manter meu PC seguro, nem mesmo no Windows 10.

Como o Windows Defender é um antivírus grátis, vamos ver como ele se compara a todos os outros antivírus gratuitos disponíveis e descobrir quais deles oferecem a melhor proteção grátis para Windows em 2020.

Está sem tempo? Clique para ver nossas melhores recomendações em comparação com o Windows Defender para 2020:

Sobre o Windows Defender (ou seja, Microsoft Security Essentials)

<strong>Sobre o Windows Defender (ou seja, Microsoft Security Essentials)</strong>

Existem várias razões para gostar do Windows Defender, especialmente porque a Microsoft trabalhou muito para melhorar o programa ao longo dos últimos anos. Agora, ele oferece:

  • Detecção de ameaças em tempo real
  • Firewall
  • Controles parentais
  • Biblioteca de proteção antivírus baseada na nuvem (para acelerar o desempenho geral).

Então, após essas imensas atualizações no programa, comecei a me perguntar se precisava usar outro antivírus, ou se poderia confiar apenas no Windows Defender para proteger meu PC.

O Windows Defender é bom o suficiente?

Novamente, a Microsoft fez grandes melhorias nos últimos anos, e a versão atual para Windows 10 é um antivírus razoável. Porém, ainda há muitas coisas ruins sobre o Defender:

  • Os controles parentais só podem ser usados em navegadores da Microsoft.
  • Recursos de segurança na internet precisam ser instalados separadamente em navegadores que não são da Microsoft (como o Chrome e o Firefox).
  • A proteção em tempo real não conseguiu bloquear com sucesso alguns arquivos maliciosos durante os testes.
  • Pode ser difícil de usar para usuários que estejam usando o programa pela primeira vez.
  • Ele não inclui uma VPN ou gerenciador de senhas integrado.
  • A Microsoft não atualiza seu banco de dados com frequência suficiente para permanecer atualizado.

A boa notícia é que o Windows Defender pode ser usado em conjunto com outro antivírus gratuito, tornando a sua proteção contra malware muito mais segura.

Muitos outros programas de antivírus grátis oferecem uma proteção melhor contra vírus e malware do que o Defender, e a maior parte das empresas de segurança na internet inclui recursos adicionais que a Microsoft não inclui no Defender — como uma rede privada virtual (VPN).

Porém, os antivírus grátis podem ser limitados em outras áreas. Eles podem não oferecer proteção em tempo real, ou seu scanner de malware talvez não funcione bem. É muito difícil obter uma proteção completa usando apenas um antivírus grátis. É por isso que fazer uso de outro antivírus em conjunto com o Defender pode oferecer uma proteção decente a muitos PCs.

No entanto, mesmo usando o Defender juntamente com outro antivírus grátis, eu jamais confiaria que meu computador estivesse 100% protegido. Como armazeno muitas informações confidenciais — senhas, dados bancários/cartão de crédito, fotos de muitas décadas — no meu PC, preferiria investir um pouco por mês em um antivírus premium de baixo custo como o Norton 360 do que aguentar os aborrecimentos de um antivírus grátis.

Competição: Windows Defender versus antivírus gratuitos

TotalAV versus Windows Defender

Competição: Windows Defender versus antivírus gratuitos

O TotalAV é fácil de usar e oferece proteção muito boa para PCs. Seu antivírus gratuito vem com uma boa gama de ferramentas, incluindo um recurso de otimização do PC — o que já é melhor que o Windows Defender. As ferramentas gratuitas de otimização do PC são muito boas. O Junk Cleaner examinou meu aparelho e me ajudou a liberar quase 4 GB de precioso espaço no disco rígido.

Ele detectou e bloqueou todos os arquivos de amostra de malware durante meu teste. Mas você precisa fazer o upgrade para acessar a proteção em tempo real — algo que o Windows Defender inclui de graça.

A versão paga desbloqueia a VPN Safe Browsing com dados ilimitados, um gerenciador de senhas, e o bloqueador de anúncios Ad Block Pro. O Windows Defender não oferece esses recursos, mas outras marcas de antivírus, como o Kaspersky, oferecem recursos parecidos de graça.

Apesar da versão premium do TotalAV ser um dos melhores antivírus para o PC do mercado, a versão gratuita é bem parecida com o Windows Defender em termos da proteção básica que oferece para o PC. Mas, com recursos adicionais, como as ferramentas de otimização, e a falta de proteção em tempo real, o TotalAV é uma boa ferramenta para usar em conjunto com o Windows Defender.

Conclusão:

O TotalAV tem uma interface fácil de usar e oferece muito em termos de recursos e funcionalidade — com ótimas ferramentas de otimização do PC para melhorar o desempenho do aparelho. Apesar de não oferecer proteção em tempo real de graça, você pode fazer o upgrade para a versão paga para acessá-la. Eu gosto de usar o programa gratuito do TotalAV com o Windows Defender — para poder otimizar meu PC enquanto tenho proteção em tempo real contra malware.

Visitar Total AV

Kaspersky versus Windows Defender

Competição: Windows Defender versus antivírus gratuitos

O Kaspersky tem uma gama muito boa de ferramentas de cibersegurança gratuitas para o PC, que o tornam uma escolha muito melhor que o Windows Defender.

A varredura contra malware incluída no Security Cloud Free do Kaspersky é completamente baseada na nuvem — o que significa que o banco de dados é continuamente atualizado com o malware mais recente. O Windows Defender até tem uma opção de proteção na nuvem, mas não é 100% baseado na nuvem como o Security Cloud Free — o que significa que não é tão leve ou rápido.

Durante meus testes, ele bloqueou todos os sites de phishing que eu tentei acessar no meu navegador Edge. Ele também detectou todos os arquivos de amostra de malware, com exceção de um (que ele reconheceu mais tarde, quando abri o arquivo ‘.exe’). E o Kaspersky é atualizado muito mais frequentemente que o Windows Defender, então, sempre oferece proteção da melhor qualidade.

Eu também prefiro muito mais a interface do Kasperksy — foi difícil para mim navegar pelo Windows Defender quando tentei usá-lo pela primeira vez.

Como foi mencionado em nossa análise aprofundada, o antivírus gratuito do Kaspersky também inclui uma VPN e um gerenciador de senhas — duas ferramentas que o Windows Defender não fornece. A VPN é bem rápida. Ela dá direito a 200 MB de uso de dados por dia — o mesmo que a VPN gratuita do Bitdefender. O gerenciador de senhas também é muito bom, especialmente para uma ferramenta gratuita. Mas eu prefiro muito mais usar um aplicativo gerenciador de senhas exclusivo, como o Dashlane.

Conclusão:

O Security Cloud Free do Kaspersky oferece recursos e proteção em geral muito melhores que o Windows Defender. É mais rápido que a varredura antimalware do Windows Defender e também tem uma taxa de detecção de vírus quase perfeita. Fiquei desapontada com o fato de alguns recursos, como o PC Cleaner, exigirem um upgrade. Recursos de otimização do PC similares estão incluídos em outros antivírus, como o TotalAV. Mas a VPN integrada e o gerenciador de senhas — ferramentas que não vêm incluídas no Windows Defender — são o que tornam o programa gratuito do Kaspersky uma escolha muito melhor.

Visitar Kaspersky

Avira versus Windows Defender

Competição: Windows Defender versus antivírus gratuitosO antivírus Avira para o PC oferece uma imensa gama de recursos — mesmo na sua versão gratuita.

Ele vem com:

  • Proteção contra malware em tempo real
  • Firewall integrado
  • VPN gratuita (com 500 MB de dados por mês)
  • Detecção de ameaças “dia zero”
  • Proteção contra phishing baseadas no navegador

A varredura antimalware do Avira funcionou perfeitamente durante meus testes, detectando 100% das amostras de malware em meu aparelho — melhor que o Windows Defender. Fiquei particularmente impressionada com as opções da “Varredura Customizada”, que me permitiu escolher fazer a varredura procurando apenas por malware específico, como ransomware e rootkits.

O Avira Prime (aproveite 40% de desconto aqui) desbloqueia recursos adicionais, como um gerenciador de senhas e ferramentas de otimização do PC — e ambos são muito bons. O Prime também inclui a varredura de dispositivos USB, mas o Windows Defender já oferece a varredura de aparelhos externos, então, acho que o Avira deveria incluir isso em seu programa gratuito.

Conclusão:

A detecção em tempo real do Avira e o motor de varredura antimalware funcionaram muito melhor que o Defender em meus testes. A empresa oferece uma boa VPN, mas a versão gratuita do antivírus carece de recursos-chave, como varredura em dispositivos USB, que já vem incluída no Windows Defender. Também existe uma boa gama de recursos premium, — incluindo um gerenciador de senhas e ferramentas de otimização do PC — o que torna o Avira um bom complemento para o Windows Defender.

Visitar Avira

Bitdefender versus Windows Defender

Competição: Windows Defender versus antivírus gratuitos

O motor da varredura antimalware avançada do Bitdefender detectou 100% dos arquivos de malware no meu PC e removeu instantaneamente os arquivos ‘.exe’ restantes quando eu tentei abri-los — muito melhor que minha experiência com o Defender.

Apesar da versão gratuita do programa ser bem básica em termos de recursos, ela também inclui o mundialmente famoso motor antimalware do Bitdefender. É surpreendemente leve, e, em geral, achei-o muito mais fácil de usar que o Windows Defender.

Os planos pagos do Bitdefender (todos incluem um período de teste gratuito) contam com algumas ótimas ferramentas — varreduras mais customizáveis, uma VPN integrada, controles parentais e ferramentas seguras para internet banking. Novamente, apesar do Defender oferecer boas opções de varredura, ele carece de ferramentas adicionais, como uma VPN e controles parentais.

Na minha opinião, o recurso de proteção anti-ransomware premium do Bitdefender, Safe Files, é o que o torna uma escolha muito melhor que o Windows Defender. O Safe Files impede o ransomware de acessar os arquivos e exibe uma mensagem pop-up toda vez que um aplicativo malicioso tenta acessar ou criptografar os dados do PC. Mas, novamente, o recurso só vem na versão paga (confira o período de teste gratuito por 30 dias aqui).

Conclusão:

O motor de varredura do Bitdefender se sai muito melhor na detecção de malware que o do Windows Defender. A versão gratuita do Bitdefender é leve, mas muito poderosa, e consiste basicamente no motor de varredura (com proteção em tempo real). A versão premium do Bitdefender oferece recursos avançados que o Defender não inclui, como uma VPN e controles parentais. E a proteção anti-ransomware do Bitdefender também é muito, muito melhor que a do Defender — fazendo o custo do upgrade valer a pena.

Visitar Bitdefender

Malwarebytes versus Windows Defender

Competição: Windows Defender versus antivírus gratuitos

Tecnicamente, o Malwarebytes não é um antivírus, mas a versão Premium do Malwarebytes é um fantástico produto antimalware, e também um poderoso antivírus individual para PCs. Ele oferece proteção avançada contra uma ampla gama de ameaças, incluindo ataques “dia zero” e ransomware.

O Malwarebytes Free é muito limitado em termos de recursos — como mencionado em nosso artigo, ele só oferece varredura antimalware e não proteção em tempo real. Mas ele funciona bem em conjunto com o Windows Defender. O poderoso motor antimalware do Malwarebytes detectou malware que o Defender deixou passar. Do mesmo modo, o Defender tem proteção em tempo real, um firewall e ferramentas de sandbox que não são oferecidas pelo Malwarebytes Free, para garantir que os vírus não possam infectar o computador.

O painel do Malwarebytes é super fácil de usar. Eu gosto muito de como tudo é organizado, com botões simples — perfeito para usuários que não têm familiaridade com tecnologia.

Mas não confie na versão gratuita do Malwarebytes agindo sozinha. Você precisa usá-la em conjunto com o Defender, ou optar pelo pacote Premium de valor mais baixo do Malwarebytes.

Conclusão:

A versão gratuita do Malwarebytes é ótima para detectar e remover malware de um PC. Ainda assim, não é boa o bastante para atuar como um antivírus único, porque não oferece recursos essenciais, como proteção em tempo real. O Malwarebytes Free e o Windows Defender funcionam muito bem quando usados juntos. Mas, para proteção avançada, você precisa fazer o upgrade para o Malwarebytes Premium.

Visitar Malwarebytes

Avast versus Windows Defender

Competição: Windows Defender versus antivírus gratuitos

Em alinhamento com nossa nova política em relação ao Avast, não podemos mais recomendar seu uso. O Avast vem supostamente vendendo dados dos usuários (porque nada é “100% gratuito”!), o que eu considero um grande problema de segurança em si. Eu prefiro muito mais usar a versão gratuita do Avira ou do Kaspersky e não colocar meus dados ou eu mesma em risco.

Conclusão:

Não recomendamos mais o Avast ou qualquer empresa subsidiária (como o AVG) neste site.

Outras opções

Existem muitas outras excelentes opções de antivírus gratuitos no mercado, como o Sophos Home e o Trend Micro, que contam com seus próprios recursos e impressionantes métricas de desempenho.

Assim como a maioria das pessoas, você provavelmente tem vários aparelhos. Algumas marcas de antivírus, como a Panda, oferecem proteção melhor para vários aparelhos (compatível com diferentes sistemas operacionais) ao mesmo tempo, tornando essas opções ótimas para famílias que buscam proteção total para vários aparelhos.

Confira esta lista dos melhores antivírus gratuitos para o Windows para ver nossas recomendações mais recentes.


🤔 O Windows Defender é suficiente para me manter protegido?

Depende do que você quer dizer com “suficiente”. O Windows Defender oferece alguma proteção de cibersegurança razoável, mas não é nem de longe tão bom quando a maioria dos antivírus premium. Se você procura apenas por uma proteção de cibersegurança básica, então, sim, o Windows Defender está bom. Mas se você tem muita informação sensível em seu aparelho, que pode atrair hackers — dados bancários, detalhes de login, arquivos privados — então, não, não é “suficiente”.

🤔 O Windows Defender pode remover malware?

Sim. Se o Windows Defender detecta malware, ele vai removê-lo do seu PC. Mas, porque o Windows não atualiza as definições de vírus do Defender regularmente, o malware mais recente não será detectado, e, portanto, confiar no Windows Defender como seu único antivírus coloca seu PC inteiro sob o risco de uma infecção.

Existem antivírus gratuitos melhores para o Windows, que são atualizados regularmente. Mas nenhum antivírus gratuito pode oferecer o tipo de proteção garantida anti-malware que os melhores programas anti-malware podem.

🤔️ O Windows Defender pode me proteger contra golpes de phishing?

Em sua maioria, sim. A extensão Windows Defender Browser Protection é projetada para proteger você de uma ampla gama de ameaças de cibersegurança online, incluindo e-mails de phishing e sites maliciosos, que tentam roubar suas informações pessoais.

Mas a proteção anti-phishing oferecida é básica, e o Windows não atualiza o Defender o bastante para permanecer à frente desse tipo de ameaça. É muito mais seguro adquirir um antivírus premium de baixo custo, como o Norton, para permanecer a salvo de ataques de phishing.

🤔 O Windows Defender é gratuito?

Sim. O Windows Defender é gratuito para todos os PCs com o Windows 7, Windows 8.1 ou Windows 10 instalados. Mas existem antivírus gratuitos melhores para o Windows disponíveis.

🤔 Devo substituir o Windows Defender por outro antivírus?

O Windows Defender fez um grande progresso ao longo dos últimos anos, mas o Windows não tem atualizado consistentemente seu programa de acordo com as ameaças mais recentes.

Usar o Windows Defender como seu único antivírus, apesar de ser bem melhor que não usar nenhum, ainda lhe deixa vulnerável a ransomware, spyware e formas avançadas de malware que podem causar muitos estragos se ocorrer um ataque.

Aqui no SafetyDetectives, recomendamos uma das seguintes opções:

  • Opção 1: Combine o Windows Defender com o Malwarebytes. Isso lhe dará tanto um poderoso antivírus (Windows Defender) quanto um poderoso programa antimalware (Malwarebytes) trabalhando juntos para oferecer uma proteção muito boa. Se você procura por segurança avançada que vai superar qualquer antivírus existente, combinar o Windows Defender com a versão premium do Malwarebytes é uma das melhores e mais inteligentes estratégias de defesa.
  • Opção 2: Escolha um antivírus gratuito melhor para substituir o Windows Defender. Todas as opções acima são especificamente projetadas para oferecer proteção contra vírus e malware top de linha, enquanto que o Windows Defender foi apenas projetado para lhe dar a proteção mais básica. Como mencionado, o Windows Defender é razoável, mas há opções muito melhores no mercado. Confira nossas recomendações mais recentes dos melhores antivírus gratuitos para o Windows.
  • Opção 3: Garanta a proteção de seu PC com um antivírus premium. Nenhum antivírus gratuito lhe dará 100% de proteção, e o Windows Defender mostrou repetidamente que é vulnerável a malware, ransomware e spyware. Não custa muito dinheiro manter você e seu PC seguros, então, investir alguns reais por mês em um antivírus premium é, sem dúvida, a melhor maneira de se proteger e garantir sua cibersegurança.

Sobre o Autor

Sophie Anderson
Sophie Anderson
Pesquisador em segurança e jornalista

Sobre o Autor

Formado em engenharia de software, pelos últimos 10 anos trabalha como pesquisador em segurança e jornalista.
Transparência e confiança – Temos o orgulho de ser o único site no qual os usuários podem contribuir livremente e compartilhar suas opiniões sobre qualquer antivírus com outros membros da comunidade. Quando você visita um site através de um link fornecido por nós, às vezes recebemos comissões de afiliados que possibilitam o nosso trabalho. Leia mais sobre como trabalhamos.